Arquivo da categoria ‘Terror’

E vem das madrugadas mais sombrias dos velhos tempos de Rede Bandeirantes, da extinta sessão Cine Trash, um dos terrores (que para mim não era nem um pouco trash) que mais me assustou enquanto criança. É ele, Fúria Assassina (Shakma), uma produção de 1990.

O interessante desta obra prima é seu protagonista, um macaco da espécie babuíno extremamente feroz e o mais impactante, assassino.

Algumas das cenas

Ambientado em uma clínica de pesquisas, onde um grupo de estudantes de medicina decidem participar de um estranho jogo de rpg, em companhia de seu professor (Roddy McDowell).

Neste mesmo local, o protagonista (o babuíno “encapetado”) acorda de uma dose cavalar de calmantes e foge pelos corredores do prédio causando pânico e morte entre os envolvidos no jogo.

TRAILER:

REVELANDO ERROS:

  • No laboratório, uma caixa com coisas pertencentes ao babuíno intitula-se Shockma, ao invés de Shakma.
  • O babuíno apresentado no filme não é da espécie Shakma, e sim Hamadryas. Os Shakmas são maiores e os únicos que possuem a juba envolta da face são os Hamadryas.

FICHA:

  • Direção: Tom Logan; Hugh Parks
  • Roteiro: Roger Engle
  • Produção: Hugh Parks
  • Fotografia: Andrew Bieber
  • Música: David C. Williams
  • Maquiagem: Rick Gonzales; Lee Grimes
  • Direção de Arte: Edward Bennett
  • Figurino: Leslie Gilbertson
  • Edição: Mike Palma
  • Elenco: Christopher Atkins (Sam); Amanda Wyss (Tracy); Ari Meyers (Kim); Roddy McDowall (Sorenson); Rob Edward Morris (Gary); Tre Laughlin (Bradley); Greg Flowers (Richard); Ann Kymberlie (Laura); Donna Jarrett (Brenda)
  • Tempo: 101 minutos
  • Data do lançamento: 05/10/1990

Postado por Belfi

Anúncios

Da onde um cara me consegue tirar uma idéia de uma bolha que mata gente????

Só de pensar nisso já imagino um Cidadão Kane dos filmes trash

A bolha Assassina de 1988 (The Blob) é um clássico das tardes do SBT, quem nunca viu esse filme??? A cena do mendigaço sendo consumido pela bolha é de se mijar de tanto rir, não há quem negue isso.

Segue a sinopse oficial do filme

Arborville, EUA. Um velho passeia entre os arbustos da periferia quando encontra uma bolha gelatinosa que veio do espaço. Logo a bolha gruda em seu corpo, devorando-o em seguida. Uma amostra dela é levada a um médico, que não consegue identificar sua formação. A bolha cada vez necessita mais de nutrientes, o que faz com que ataque um teatro, um depósito de carnes e enfrente a população da cidade em campo aberto, devorando centenas de pessoas.

TRAILER:

Realmente não temos o que criticar dessa obra prima, se você acha que filmes como a premonição ou jogos mortais possuem mortes um tanto quanto criativa, é por que nunca viu a bolha assassina

Como um cara consegue ser morto dentro do cano da pia HAHAHAHAHAHAHAHAH

Vale muito ver esse filme quem tiver a oportunidade

REVELANDO ERROS:

Tripulação ou equipamento visível: Quando Meg e os dois meninos estão correndo para deixar o teatro pela saída lateral, você pode ver a sombra do operador deSteadicam sobre a porta eles passam por enquanto o projetor estiver piscando

O time visitante tem 12 homens em campo no jogo de futebol na cena de abertura.

Microfone boom visíveis: Quando Meg fica fora de seu carro para conversar com Briancomo ele está andando pela rua à noite, a cabeça de um microfone boom é refletidona janela da loja de porcelana no canto esquerdo da tela logo antes da câmera pára de se mover para trás.

CURIOSIDADES:

  • Mais de uma centena de modelos da bolha foram usados nas filmagens, todos compostos por seda, látex, silicone e Methocil, um agente químico usado para tornar fast foods mais consistentes.
  • O diretor Chuck Russell aparece em uma pequena ponta, como o patrono do teatro.
  • Todas as cenas externas foram rodadas na cidade de Abbeville, na Louisiana. Estas cenas não foram rodadas na verdadeira Arbeville porque, na época das filmagens, a cidade estava coberta de neve.

FICHA:

  • Direção: Chuck Russell
  • Roteiro: Chuck Russell e Frank Darabont, baseado em estória de Irving H. Millgate
  • Produção: Jack H. Harris e Elliott Kastner
  • Estrelas: Kevin Dillon, Shawnee Smith e Donovan Leitch
  • País de origem: EUA
  • Idioma: Inglês
  • Duração:1 hr 35 min
  • Ano de lançamento: 5 de Agosto 1988 (EUA)
Postado por Gumé

Vamos começar pelo clássico Evil Dead 3 – Army of Darkness

Muitos nem imaginam que esse filme foi dirigido pelo grande Sam “Evil” Raimi, conhecido pela trilogia Spider Man.

Mas convenhamos, spider man de C. é Rol. o negócio aqui é o grande protagonista Ash. O cara é tão fod. que perdeu a mão e colocou uma serra elétrica no lugar. Bom para ter uma pequena noção do tamanho da podreira, da uma lida na sinopse oficial do filme.

“Ash é acidentalmente enviado para o século XIII, quando foi profetizado que alguém viria para encontrar o Necronomicon, o Livro dos Mortos. Essa pessoa lideraria a batalha dos humanos contra os Deadites, seres da Escuridão que também estão atrás do livro. Este filme fecha a trilogia Evil Dead com muito humor e situações bizarras, numa mistura de comédia, terror e aventura.”

Digno de um Oscar eim, pqp até emociona.

Bom caso a curiosidade seja maior ainda da uma olhada no trailer dessa beleza.

Obs: Sad But True na trilha sonora, o filme é tão trash, mas tão trash que ja até fizeram um musical da brodway dele.

TRAILER:

REVELANDO ERROS:

Quando Ash luta contra Evil Ash, a sua mão mecânica da direita que possui a serra elétrica, passa a ser da mão esquerda. Também está mesma luta, ele pode ser visto com as duas mãos normais.

FICHA:

  • Site oficial: http://www.deadites.net/evil-dead-films/army-of-darkness/
  • Diretor: Sam Raimi
  • Escritores:  Sam Raimi e Ivan Raimi (Sim! São irmãos)
  • Estrelas: Bruce Campbell, Embeth Davidtz e Marcus Gilbert
  • País de origem: EUA
  • Idioma: Inglês
  • Data de lançamento: 19 de fevereiro de 1993 (EUA)
  • Duração: 81 min | 96 min (corte do diretor)
  • Mixagem de som: Dolby SR
  • Imagem: Colorido
Postado por Gumé